Gestão Florestal, um novo setor para a MM Social.

forests-231066_640

No Brasil, o setor de base florestal movimenta cerca de R$ 52 bilhões, arrecada R$ 7,5 bilhões em impostos, gera cerca de 2 milhões de empregos diretos e indiretos e contribui com mais de R$ 9 bilhões para o superávit da balança comercial (ABRAF, 2011). Embora expressivos, os números ainda não refletem toda a vocação do País para o reflorestamento, sendo que essa atividade ocupa apenas 1% do seu território.

Mesmo com uma área tão pequena em relação ao total de terras disponíveis para a atividade, esses números já são suficientes para fazer do Brasil um dos principais players no mercado florestal internacional. Isso porque o país detém forte conhecimento tecnológico em plantações florestais, com destaque para as melhorias genéticas e aprimoramento das técnicas de manejo florestal.

Um dos negócios de destaque desse setor é a silvicultura, que promove a implantação e a regeneração de florestas, não apenas com fins econômicos, mas também sociais, culturais e ecológicos. Primordial para o desenvolvimento sustentável de grandes indústrias como papel, celulose, móveis e siderurgia, o setor faz parte dos novos desafios da MM Social para 2017. “Nós já temos grande experiência com os setores de energia e mineração e agora queremos expandir nossa expertise para a silvicultura. Percebemos que o potencial econômico do negócio está caminhando junto com a visão sustentável que as empresas do setor estão desenvolvendo”, explica Elaine Faria, gestora da MM Social.

A entrada no setor florestal vem por meio do trabalho que começa a ser desenvolvido com o Grupo Aflopar – Norflor e Diflor Investimentos Florestais. “Nosso objetivo é auxiliar o grupo na construção de um legado positivo e na geração de valor compartilhado quando se trata de sustentabilidade e educação ambiental”, explica Elaine. O negócio do grupo Aflopar é a gestão florestal com foco na silvicultura, incluindo administração do viveiro, plantio e manutenção das árvores, até formação completa das florestas. A empresa é referência no setor florestal brasileiro e tem como clientes indústrias de celulose, painéis de madeira, siderúrgicas e lápis.

Embora seja um novo setor de atuação para a MM Social, ela já chega qualificada pela equipe com experiência em grandes empreendimentos e projetos nacionais e internacionais. Com o grupo Aflopar serão realizadas ações para o público formal e não-formal contemplando os municípios mineiros de Josenópolis, Padre Carvalho, Grão Mogol e Botumirim. “As práticas de educação ambiental são o pilar para qualquer mudança efetiva de comportamento em direção a ações mais sustentáveis de trabalho e qualidade de vida. Por isso elas estão sendo cada vez mais integradas ao planejamento estratégico, técnico e comunicacional das organizações”, explica Elaine.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *